Arquivo de junho, 2008

Programas infantis

Posted in Nostalgia with tags , , , on junho 28, 2008 by Krol

Sou uma criança da década de 80, não posso negar. Foi a década das apresnetadoras infantis, tudo começou com a Xuxa no “Clube da Criança”, lembro pouco do programa com ela, mas um vinil que ainda tenho mostra que o programa era apresentado junto com o palhaço Carequinha, e os jovens Luciano e Patricia.

A minha lembrança mais forte dessa época do “Clube” é que passava o meu desenho favorito, “d’artagnan e os três mosqueteiros” (assista aqui a aberura), um desenho espanhol. A música de abertura sei toda, faz parte do vinil do “Clube”. Depois a Xuxa começou a fazer o maior sucesso e foi para a Globo apresentar o “Xou da Xuxa” com as Paquitas, o Dengue e o Praga. Assisti muito Xou antes de ir pro colégio, na hora do meu almoço passava “Super Amigos” com o bordão “enquanto isso na sala de justiça”. Inexquecível!

Por mais que Xuxa faça parte da minha infância , o programa infantil de que guardo uma lembrança mais carinhosa é o “Lupu Limpim Clapá Topô”. O nome é péssimo, difícil de dizer até hoje, imagina para uma criança. Mas isso não impedia que o fosse o programa mais legal. Era apresentado pela Lucinha Lins e o Cláudio Tovar a tarde, em um horario que não tinha nada para criança. Passava desenhos do Hanna e Barbera, todos os clássicos. Tinha uma brincadeira chamada cama de gato que eu adorava acompanhar.

Depois cresci, era out assitir a programas infantis, Angélica no “Clube da Criança” ou no “Milkshake” não faziam a minha cabeça. Fui deixando esses programas de lado, mas volta e meia me dá uma nostagia…

Tem coisas que só a TV ao vivo faz por você

Posted in TV on junho 15, 2008 by Krol

Precisa de comentário?

Que venha o Mid Season

Posted in Séries Brasil, Séries EUA with tags , , , , , on junho 15, 2008 by Krol

Estamos no Mid Season é um momento triste, todos os meus seriados entram em recesso até os longinquos meses de setembro e outubro. Alguns como “Lost” só voltam em 2009 junto com “24” (que saudade de Jack Bauer).

Sempre que acaba a temporada eu passo uma semana macambuzia pensando nos longos meses até que aquelas historias se esclareçam. Ai eu parto para o melhor do mid season : descobrir novas séries, ver séries que todo mundo vê e que eu não tinha tempo antes e , é claro , dar uma espiada nos novos pilotos que vão surgindo.

Foi em Mid Season que descobri “House”, “How I met your mother”, “Battlestar Galactica”, “Veronica Mars”, “Friday Night Lights” e “The West Wing”, só coisa boa.

Nesse Mid Season tem Joss Wheadon (“Dollhouse”) tem o novo JJ Abrams (Fringe), esse último com a volta do Pacey de “Dawson’s Creek”. São dois novos seriados que estou esperando. Tem também a nova versão do “Barrados no Baile” com a participação da Kelly Taylor e da Donna Martin originais , imperdível. Ainda mais porque os fãs nos EUA estão fazendo abaixo assinado e campanha para que a Brenda volte também.

No quesito das antigas, Paul já trouxe todo o “The Sopranos” e a primeira temporada de “The Practice” que estou há tempos aguardando um buraco na agenda para serem vistos.

Piloto

Posted in Séries with tags , , , , , on junho 10, 2008 by Krol

Para começar a escrever essa abertura fui pesquisar sobre meus hábitos de telespectadora e quando eles começaram a se modificar . Levei um susto , fazem mais de sete anos que o conteúdo da TV migrou para o monitor. São sete anos que meu computador se transformou em um TiVo, ou o mais perto de um aparelho que me dá a total liberdade de montar a minha própria programação nos meus moldes.

Em um mundo pequenininho com o advento da internet, acompanhar seriados na TV brasileira se tornou um transtorno, e isso não é porque os canais a cabo fazem barbaridades como dublar as séries sem aviso (FOX) ou reprisar exaltivamente os mesmo episódios (SONY) , mas se se navega pela rede diariamente é impossivel manter o suspense, mesmo sem procurar os spoilers surgem a torto e a direito.

Para porder curtir de verdade os seriados que assisto, e são MUITOS, passei a utilizar o advento do Paul Torrent – como bem ela apelidou. Paul trouxe um novo mundo para mim, um mundo sem anúncios ou horários, onde o conteúdo que eu quero está a minha disposição a qualquer momento. Foi Paul que trouxe as últimas temporadas de “Sex and the City” , de “Friends” e, o porquê tudo começou, “Arquivo X”.

Hoje sou uma telespectadora mais assídua do que nunca, mas não sei horários, nem canais onde passam os meus programas favoritos, pra mim eles só tem dia. Se bem que nos últimos tempos nem o dia eu sei de todos , Paul é esperto e faz tudo automaticamente sem me dar o menor trabalho. Como ela diz “eu amo viver em 2008”!