Arquivo de abril, 2010

Da telona para a telinha

Posted in Cinema, TV with tags , on abril 30, 2010 by Krol

Por Leonardo Esteves

“Giselle” foi o canto do cisne da turma da pornochanchada carioca que produziu o que de melhor foi feito no gênero. Victor di Mello, um autor sem dúvida, se despediu com uma história já um tanto distanciada do humor erótico ingênuo e anedótico que pontua sua filmografia anterior. O diretor conta em “Giselle” com todo um viés político existencial que não fazia parte até então da atmosfera pornochanchadesca.

“Giselle” hoje pode parecer até uma péssima tentativa. Mas, por mais canhestra que seja a obra, com todas as atuações completamente fora do tom, a um paço da gargalhada geral – marcas de um passado da mais sincera gozação descompromissada – a história é excelente. E toda a falta de apuro acaba contribuindo para marcar o filme como o melhor do pior já feito.

Carlo Mossy, o maior galã do gênero, aparece em franca tentativa de superação. E o resto do elenco é a marca maior daquele tempo: Monique Lafond (uma Khouriete), Alba Valéria, Nicole Puzzi, entre outras (os).

“Giselle” passa no Canal Brasil de madrugada, claro, de sábado pra domingo às 2:30.

TV Globo “lança” seriados

Posted in Papo Aleatório, Séries with tags , , , , on abril 27, 2010 by frinigeorga

A TV Globo lançou – com poucos dias de diferença um do outro – dois seriados. Um fala sobre médicos trapalhões em um hospital e o outro tem como cenário uma revista de fofoca. Qualquer semelhança com os seriados americanos “Scrubs” e “Dirt” não deve ser mera coincidência.

“Será como olhar pela fechadura. O público terá a sensação de estar assistindo a alguma coisa proibida”, conta o autor de “Dirt”, opa, desculpem, de “Vida Alheia”, Miguel Falabella. Segundo ele, a idéia de escrever o seriado surgiu quando ele e Claudia Jimenez foram importunados por paparazzo em um restaurante. Sim, Falabella, a gente acredita. Não que “Vida Alheia” seja uma cópia de “Dirt”, mas segue a mesma linha de revista de fofocas, com um tempero a la “Diabo Veste Prada”, mas sem o mesmo glamour ou bom gosto. Ou seja, é uma versão meio tosca de tudo colocado junto. Até porque tem no elenco Danielle Winits e Paulo Vilhena. Preciso dizer mais? Pena que a diva Marília Pêra também está no meio desse tumulto.

Ainda segundo Falabella, o seriado mostra os limites que os jornalistas dessa área ultrapassam para conseguir uma grande matéria sobre esse universo: o universo e a “área” sendo fofocas. Ta bom.

Já o “S.O.S Emergência” tem um elenco melhor, mas pára por aí. Segundo o autor Marcius Melhem, “o seriado surgiu de uma ideia nossa de fazer um sitcom de hospital. Pudemos brincar muito, encher de falhas e erros um ambiente que, em teoria, é bem sério”. Pois é. “Focamos também na vida dos médicos. Por isso, mostramos as relações que ocorrem dentro da equipe. É daí que vem a maior parte do humor. Funcionários de hospital também namoram, vivem disputas profissionais, entre outras situações”, completa o autor Daniel Adjafre.

Gente, preciso levantar a sinopse de “Scrubs”? Não, né? Foi o que pensei.

Sinceramente, acho ótimo que a TV Globo produzir programas diferentes para o público da TV aberta. Mas é para ser diferente, gente! Espero que essa “semelhança” seja apenas para dar o pontapé inicial na produção brasileira de seriados.

Pérolas da TV

Posted in Pérolas da tv, TV, `Tá na rede with tags , , , on abril 25, 2010 by Krol

Na década de 80 Caetano Velose e Chico Buarque tiveram um programa musical na TV Globo chemado “Chico e Caetano”. Durou pouco mas proporcionou grandes encontros de gênios da MPB. Aqui vai a dupla cantando “O Quereres”.

Da telona para a telinha

Posted in Cinema, TV with tags , on abril 23, 2010 by Krol

Por Leonardo Esteves

“Antes que o diabo saiba que você está morto” é um grande filme de Sidney Lumet, um cineasta que veio da televisão e fez a transição para o cinema com muito estilo e competência…

O filme passou no Festival do Rio de 2007 com legendas eletrônicas. Ou seja, ainda era incerta sua aquisição por uma distribuidora brasileira. O filme acabou sendo comprado e estreiou aqui em um circuito muito restrito. E não por acaso ele estréia aqui no Telecine Cult. Apesar de trazer grandes atores e um boa trama, “Antes que o diabo” é um filme sujo, sobre gente imunda numa América bastante poluída.

O mérito de Lumet é exatamente conseguir fazer funcionar esse ambiente tão distante (inclusive em termos de idade) de seu universo. Um diretor de 85 anos que filma melhor o mundo de hoje do que muitos cineastas jovens. Um realizador que permaneceu mais como um técnico de cinema do que de um homem de glamour. Na meca do cinema industrial, tal postura é rara. E Lumet é um cineasta raro. Poderia se passar até por um cineasta europeu, e ter dirigido com dignidade o filme comentado na coluna anterior, “The Bank Job”. E não seria nada mal, afinal, Lumet é o responsável pelo original, “Um dia de Cão”, realizado há 35 anos.

“Antes que o diabo saiba que você está morto” é um trabalho raro no cinema americano atual. O filme passa sábado às 22h no Telecine Cult.

Talvez o último ato

Posted in Séries, Séries EUA, spoiler with tags on abril 22, 2010 by Krol

“Damages” chegou ao fim de sua terceira, e talvez última, temporada nos EUA nessa semana com mesmo vigar de sempre. O episódio final consegui unir todas as peças que ficaram pelo caminho, não só nessa temporada, e mostrou que Patty Hewes ainda pode surpreender com seus meios de chegar ao topo.

Como nas temporadas anteriores essa começou com sangue, mas aqui teve um elemento a mais, a morte de Tom. Daí em diante a série foi o de sempre: um emaranhado de pedaços que cabe ao espectador montar para conseguir ter a história completa.

Dessa vez o grande caso era sobre uma fraude financeira. Foi baseado no escândalo Madoff que abalou os EUA durante a crise financeira nas terras do tio sam. Ellen agora trabalha para a promotoria mas isso não impede que ela e Patty se unam para encontrar o dinheiro desviado e resolvam o caso.

Nos ultimos episódios, talvez porque a série esteja ameaçada de não voltar, Frobisheré finalmente acusado e preso pelo assassinato de David, o noive de Ellen, que aconteceu na primeira temporada. Nessa ânsia por dar respostas ao publico ficamos sabendo nos últimos minutos como a filha de Patty morreu e porque e essa resposta mostra um pouquinho mais de quem é Patty Hewes.

“Damages” é uma série muito boa e que acredita na inteligencia do publico, é o espectador que monta a historia, nada é entregue mastigado, talvez por isso seus índices de audiência não sejam tão bons e o canal FX não tenha renovado para uma quarta temporada. Se Ellen Parsons e Patty Hewes não retornarem a tv vai ficar privada da atuação brilhante Glen Close e de uma ótima série.

The power of Glee

Posted in Séries, spoiler with tags , on abril 21, 2010 by Krol

Durante todo o período que “Glee” ficou parado só se falou no episodio com as musicas de Madonna, mesmo na volta, na semana passada, o que chamou a atenção foi o teaser de Sue Sylvester cantando “Vogue” (veja aqui). Criou-se uma espectativa enorme em torno do episódio “The Power of Madonna” e quando ele foi ao ar ontem nos EUA se provou que tudo o que havia sido dito era verdade.

Quem assiste “Glee” sabe que a série tem dois tipos de episódios: os com história e alguns números musicais e os com números musicais que tem uma história. Esse episódio é o do segundo tipo. O pretexto para a grande homenagem a rainha do pop é que Sue é fã da diva e os meninos do Glee Club não estão respeitando as meninas, é um episódio de Girl Power.

Todos os números musicais são ótimos e envolvem não só o New Diretions mas os Cheerios também. A homenagens é tão grande que até os figurantes estão vestido com as diversas fases da carreira da diva. O vídeo de “Vogue” com Jane Lynch já é um clássico, mas “Like a Virgin” e o “Boderline/Open Your Heart” são muito bons também. Um detalhe que me intrigou logo no primeiro número musical com “Express Yourself, onde foi parar a barriga de gravida de Quinn?

Falando em Quinn, o que aconteceu com ela e Puck? Os dois vem sendo ignorados nos dois últimos episódios, quase não falam, até Santana está tendo mais destaque do que eles. O que aconteceu com Puck e Finn? Eles terminaram a primeira fase dessa temporada brigados e nessa volta ninguém fala nada. Quinn foi expulsa da casa dos pais e estava morando com Finn, mas e agora que ele descobriu que não é pai do filho que ela espera? De momentos importantes para o desenvolvimento da história só mesmo a mudança de Jesse St James de escola e sua entrada no New Directions.

Pérolas da tv

Posted in TV, `Tá na rede with tags , on abril 18, 2010 by Krol

Um vulcão em uma geleira na Islândia está causando o caos aéreo na Europa. O vulcão está expelindo uma nuvem de fumaça tóxica que impede que os aviões decolem. Dê uma olhada nas imagens do vulcão.